08 novembro 2012

Paredes de Coura perde cinco freguesias

scan

Paredes de Coura vai perder cinco das suas freguesias e das 21 actuais passa para apenas 16. A proposta da Unidade Técnica para a Reorganização Administrativa do Território foi hoje conhecida e prevê cinco fusões de freguesias. A palavra final, contudo, caberá à Assembleia da República.

Em Paredes de Coura não quiseram mexer nas freguesias e passaram a bola para Lisboa, com o argumento de que, sendo contra a reorganização administrativa não fazia sentido apresentar qualquer proposta de alteração do actual estado das coisas. O PSD ainda apresentou uma proposta, que previa a junção de Linhares e Porreiras a Ferreira e de Paredes de Coura a Resende e Cristelo, mas a ideia social-democrata não passou pelo crivo da maioria da Assembleia Municipal.

Na altura, recorde-se, foram vários os alertas lançados sobre o assunto e sobre a possibilidade de que, sendo a unidade técnica a traçar o novo mapa das freguesias, essa proposta poderia não vir ao encontro das ideias dos courenses. Pois, eis que pouco mais de um mês volvido da decisão courense, a unidade técnica já apresentou o seu mapa e, sem surpresa, assiste-se à fusão de dez freguesias.

Olhando para o mapa da UTRAT há coisas que não causam qualquer surpresa. Porreiras, com os seus 95 habitantes tinha o destino traçado desde o início da discussão da reorganização administrativa. Só não se sabia a quem se iria juntar, se bem que a escolha de Insalde, não surpreende ninguém. Mais ao lado aparece a união das freguesias de Ferreira e Formariz, criando uma freguesia de grandes dimensões e onde a justificação para a fusão surge com a descontinuidade geográfica de Formariz (o lugar de Reirigo). A mesma justificação, aliás, mas relativamente ao “enclave” de Espadanal, justificou a fusão de Cristelo e Bico.

As outras duas mexidas prendem-se com Linhares e Cossourado, que passam a ser apenas uma freguesia, e também com Paredes de Coura e Resende. A primeira justificada pelo reduzido número de habitantes de Linhares, a segunda, proposta com base na sua proximidade à sede do município que, refere a UTRAT, exerce “funções de pólo dinamizador sobre as freguesias de menor dinâmica demográfica”.

O processo de reorganização administrativa prevê ainda a tomada de posição por parte da autarquia courense, relativamente a esta proposta hoje divulgada. Só depois disso terá lugar a votação na Assembleia da República. Aguarda-se, por isso, para ver as reacções do executivo camarário e da oposição relativamente a uma questão fracturante mas que se assume como inevitável.

18 comentários:

  1. O PSD ainda apresentou uma proposta. Só um parvo não percebe que esta foi cozinhada, nos bastidores, pelo PSD. O tiro as vezes sai pela culatra....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Qual foi a prposta do PSD?

      Eliminar
  2. E 16 freguesias ainda é muito .... Deviam só ficar 4 !!! Chegava muito bem...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostava de saber o que fazes?, reformado??, funcionário, utente, gostava mesmo, deves ser dos que tem direitos sem deveres.

      Eliminar
    2. Sou beneficiário do RSI !! hihihihih

      Eliminar
  3. Está resolvida a questão da divida Publica para o Ano já ninguém tem que pagar mais, e com muita pena que olho para este teatro de mareonetes, pois é isso que estes políticos de merda fazem com o Povo, puxa um bocadinho aqui,dá folga ali, triste e nada democrático,mas é esperar pode ser que regresse a moda da guilhotina.

    ResponderEliminar
  4. isto não ficar assim, o presidente Jofel já disse que quem manda em coura são os Courenses por isso isto vai tudo ser anulado ah ah ah ah ah ah

    Tenham Juízo, 7 ou 8 freguesias eram suficientes. Acabavam-se era os tachos de muitos tachistas socialistas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para +- 9500 habitantes, chegavam bem 5 ou 6. 1900 ou 1583 habitantes por freguesia era suficiente.

      Eliminar
  5. Se o Joffel disse que isto não pode ficar assim,está dito quem tem os livros é ele mesmo,quem manda em Coura sãos courenses, é engraçado,, não sejas parvo, nós nem no país mandamos quanto mais meia duzia de "gatos pingados" de Coura,estamos sob dependência económica da chamada troika que os socialistas truxeram, já com a corda na garganta!!!Foram eles que negociaram a eliminaçao de autarquias, não sabes,pede para quem possa ler o memorando....Na verdade é sempre angustiante ver o primeiro p.junta desempregado, agora...

    ResponderEliminar
  6. Para já foram agregadas e muito bem as freguesias,mais tarde serão os Municipios como o nosso. Cada vez os tachos são menos para tantos interessados no poder.
    Foi pena esta reforma não ter agregado ainda mais freguesias. Não se justifica haver freguesias com menos de 1000 habitantes.

    ResponderEliminar
  7. acabou a epoca das vacas gordas,vamos plantar para colher nem precisa de canastros,guardamos tudo nos grandes parques de estacionamento,porque sao o que tem de melhor e moderno em paredes de coura.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nos parques deve-se fazer a feira,Mas com mais luz

      Eliminar
  8. Cada um tem direito á sua opinião, sem qualquer dúvida!
    Mas o que mais me está a preocupar neste país, é esta gente que nos está a degraçar sem dó nem piedade!
    Eu julgo que até já não são só os governantes deste país que a toda a força nos querem colocar na miséria! Como também certas figuras da nossa praça pública o querem ajudar neste sentido! Quando ouço as palavras infelizes! de uma Presidente do Banco Alimentar, Isabel Jonet que vem mandar recados para aqueles que já não tem que comer!
    Quando ouço as palavras de um Patriarca de Lisboa que os portugueses não se deviam manifestar! Está tudo dito! Ao nosso país oú chegaram os fachistas para se vingarem da revolução dos cravos, oú então estamos perante uma data de gente maluca!!!...

    ResponderEliminar
  9. .... Os portuguesas devem é dedicar-se mais ao trabalho e e deixarem-se de tretas que não levam a lado nenhum. Agora qualquer coisa de mal que acontece no país a culpa é sempre da crise.

    ResponderEliminar
  10. Mas que raio de gente a nossa. Qual o mal de acabar com algumas freguesias. Ou melhor ninguém vai acabar com elas, apenas junta las. Se o tivessem feito à mais tempo tinha-se poupado em infra- estruturas que não faz sentido haver em todas as freguesias, lembro- me por exemplo dos poli desportivos que estão às moscas.... Bom senso meus amigos, bom senso.

    ResponderEliminar
  11. Nesta reforma administrativa devia respeitar-se a primeira versão da lei seria anexar todas as freguesias com menos de 1000 habitantes.
    Paredes de Coura,no meu modesto entender, nunca podia ir além das 10 freguesias,anexando 11,isto numa primera fase e numa outra reduzir para 5, 3 a sul e 2 a norte do concelho.
    Por favor digam lá p+ara que servem as freguesias,ou melhor,as juntas e Assembleias de freguesia, se estas nada fazem senão receberem os euritos.... Obras é a Câmara que as faz,assuntos sociais estão as direções a gerir as mesmas sem necessidade de recorrer aos autarcas, estes podem na verdade fazer parte das suas direções mas nada de ganharem dinheiro,VOLUNTARIADO...
    Todos reclamam os seus tachitos,mas não ouvi da boca de qualquer autarca que está contra esta reforma, dizer que prescindia do seu ordenadito como autarca, caso curioso!!!
    Caros senhores autarcas, o tempo mudou,não podemos parar no tempo,esta de assinar atestados também está quase acabado,o at. de residência foram substituidos há anos pelo cartão de eleitor(fotocópia), embora os buoctratas ainda pretendam desconhecer essa lei....,para colar papeis enviados pela Câmara,estão os funcionários da mesma que se deslocam semanalmente às aldeias em viatura da Câmara,por vezes(2)!!! a colocar publicadade nos estabelecimentos comerciais com as actividades culturais...
    Como vêem as Juntas são dispensáveis,assim aconteceu com os regedores,juizes da paz,párocos etc etc.

    ResponderEliminar
  12. The particular electronic cigarette ego basic starter kit is fantastic for new users.
    As you lift out the screen you'll see it is still attached via a ribbon cable. Mobile computing is continuously getting better with best performance, smarter processors, light weight and handy designs, but as we all know, the main power of the mobile computing device (weather it is laptop, mobile, PDA or e-book reader) resides in it's battery capacity.



    Also visit my web blog: youtube videos downloaden

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Este Post é muito interessante!!Para que servirá???

      Eliminar

Agora que leu, pode deixar aqui o seu comentário. Já agora, com moderação e boa educação! O Mais pelo Minho reserva-se o direito de não publicar comentários insultuosos. Quaisquer comentários inadequados deverão ser reportados para o email do blogue. Muito obrigado!