13 julho 2006

TV Coura

Para muitos courenses esta seria a televisão do futuro. Só com (boas) notícias sobre Paredes de Coura. As menos boas ficariam de fora, porque, como dizia Teresa Guilhereme (é inevitável, fala-se de televisão e ela aparece): "isso agora não interessa mesmo nada"!
Vá lá, vamos todos criticar a RTP.

6 comentários:

  1. Truta do Coura13 julho, 2006 15:38

    Sugestão de programação:
    Telenovela: "Queremos um acesso rápido à autoestrada" - é sucesso garantido e com bastantes episódios para durar uns anitos;
    Noticiário: "As notícias que realmente interessam e que eu quero que se saibam", apresentado por um presidente da junta qualquer;
    Infantil - "Vamos aprender a brincar com a pedra", apresentado pelo nosso presidente da câmara

    E haveria muito mais para encher a grelha.

    ResponderEliminar
  2. Bastos se quiseres contactos de hospícios, eu andei a procurar aqui nas páginas amarelas alguns dos melhores do país, exclusivamente para ti. Tás a vontade, não me incomodo nada.

    ResponderEliminar
  3. Mas que grande piada, ainda por cima fora do contexto. Fala-se de televisão do futuro para falar das "notícias boas", com pano de fundo, os "lindos" prédios da av. Chouzal.
    Ora assim, meus amigos...

    ResponderEliminar
  4. Esta só pode ser a televisão do Jofel. Ele é que queria que a RTP só desse boas notícias sobre Coura. E ainda há quem o queira à frente da Junta. Valha-nos Deus.

    ResponderEliminar
  5. É mesmo assim EB, comentas os próprios post´s?

    ResponderEliminar
  6. Pudera quem é que tem paciencia para ler esta merda... De início ainda comentava esta bosta, depois de concluir que o autor deste blog é idiota e narcisista: tipo gostem de mim, eu sou boa pessoa e inteleigente e imparcial... deixei de vir a esta casa...

    ResponderEliminar

Agora que leu, pode deixar aqui o seu comentário. Já agora, com moderação e boa educação! O Mais pelo Minho reserva-se o direito de não publicar comentários insultuosos. Quaisquer comentários inadequados deverão ser reportados para o email do blogue. Muito obrigado!