08 maio 2006

Assembleia Municipal - Breves

Limpeza de matas – A Câmara conseguiu um apoio financeiro de 358 mil euros para a limpeza de matas. A propósito, o representante da AM na comissão de defesa da floresta pediu a todos os presidentes de junta para indicarem prioridades nas suas áreas de intervenção. Até àquele dia só seis tinham respondido.

Lugares marcados – Joaquim Felgueiras Lopes (PS) alertou para o caos que é o estacionamento no bairro Combatentes da Travanca. “Se um dia houver um incêndio…” lembrou o presidente da Junta da vila. A Câmara tomou nota e garante que vai marcar lugares de estacionamento.

Provisório e definitivo – Mário Fernandes Cunha (PSD) lembrou que a construção de um canil provisório em Coura foi aprovada por maioria, mas ainda nada foi feito. Pereira Júnior, por seu lado, diz que um canil provisório custa tanto como um definitivo. “Estamos a construir um canil conjunto em Monção por isso seria desperdiçar dinheiro”, explicou o autarca, informando que o canil de Monção abre ainda este ano.

Buracos – O piso degradado da estrada que liga a vila a S. Roque foi lembrado por Mário Fernandes Cunha, que questionou se o empreiteiro não teria abandonado a obra. O presidente da Câmara disse que efectivamente o empreiteiro não tem cumprido e que o mesmo já aconteceu em Ponte de Lima. Mas realçou que se trata de uma obra das Águas do Minho e Lima.

Deus na Terra – “O nosso presidente da Câmara é um Deus”. Assim mesmo falou Joaquim Felgueiras Lopes sobre Pereira Júnior. Tudo a propósito da sua (do presidente da junta) participação no encontro da ANAFRE e do que por lá ouviu. Uma constatação que surge depois de escutar as queixas de alguns colegas seus sobre as más relações que tinham com os seus presidentes de Câmara, nomeadamente de Braga e de Caminha.

9 comentários:

  1. Só faltava esta, chamar deus ao homem. Só se for por ele estar sempre rodeado de anjinhos.

    ResponderEliminar
  2. Deus???por ter transformado coura numa pedreira??contem as arvores secas no largo Hintze Ribeiro...

    ResponderEliminar
  3. Deus? Porque lhe apara o jogo? Não pode "urinar na pia que come", claro.
    Quantas vezes é que se falou já do canil e do dito estacionamento? O sr EB ainda não reparou que se mente descaradamente? Ou seja "a Câmara tomou nota e garante que vai marcar lugares", "estou atento, e já reuni várias vezes, sobre esse assunto", "já fiz vários telefonemas, e foi-me garantido que isso não aconteceria".
    Enfim, a feira só ainda não mudou porque falta marcar os lugares. À dois anos que se anda para marcar os lugares.
    Sr EB, o que é que se mais passou na assembleia, só isto?

    ResponderEliminar
  4. O sr EB numa frustrada tentativa de imparcialidade, acaba por fazer o gosto aos meninos. Repare-se, mesmo opinando (sem conhecimento aprofundado)a favor do deleite socialista, eles não comentam. Ou seja apenas insultam, quando alguém decide dizer meia dúzia de verdades. Repare-se nos comentários anteriores e a linha que tem sido seguida.
    Em relação ao post "quem é que os entende" só digo: "O preço que se paga a uma pessoa vendida, é sempre superior aquilo que ela vale".
    Que produtivo se torna, quando a maioria dos elementos da bancada socialista passam quatro anos sem uma única proposta, apenas acenando com a cabeça a favor da decisão que os rege.
    Sr EB, a política real não se compara com os seus devaneios pensantes.
    Qual é a sua posição afinal?
    Tenta ser mais refinado naquilo que escreve do que o Tinoco, mas....

    ResponderEliminar
  5. Sim, qual é a sua posição afinal?
    Já agora na frase "À dois anos que se anda para marcar os lugares.", deveria ser "Há dois anos...".
    Não custa nada...

    ResponderEliminar
  6. pelo estacionamento do bairro, o melhor era ver o abuso de estacionamento pelo maquinys

    ResponderEliminar
  7. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  8. É uma vergonha. Não fazem o canil e depois andam a matar os cães na vila. Tenham vergonha.

    ResponderEliminar
  9. oh anomino de cima estas dizer que os responsáveis pela criação de um canil é que andam a matar os cães na vila? Tens prova disso ou é so mais uma difamação diamantinesca

    ResponderEliminar

Agora que leu, pode deixar aqui o seu comentário. Já agora, com moderação e boa educação! O Mais pelo Minho reserva-se o direito de não publicar comentários insultuosos. Quaisquer comentários inadequados deverão ser reportados para o email do blogue. Muito obrigado!